top of page

O incrível mundo das fraldas de pano


Se estás a ler este post é porque estás interessado(a) em saber se as fraldas reutilizáveis realmente valem a pena. Bem, vamos começar pelo principio, pode ser?

Iniciei-me com um kit de experiência vendido pela querida e muito prestável Ariana Jacome. Mas sabes o que senti quando recebi as minhas primeiras fraldas? O medo de falhar! o receio de ouvir "avisei-te que isso não ia funcionar".

Após todos estes meses de utilização, de tentativa-erro e leitura de muitas publicações na comunidade, cheguei à conclusão que todos(as) passamos pelos mesmos problemas. Os mitos, as dúvidas e a informação dispersa, que dificultam a compreensão e absorção dos conteúdos importantes. Bom, estou aqui para ajudar!



__________________________


OS MITOS


Muitos dos adultos de hoje foram criados com fraldas de pano, mas infelizmente o mundo descartável surgiu com a promessa de facilitar as rotinas de todos nós, acabando assim com essa boa prática. As fraldas de pano parecem ter ficado num passado tão longínquo que se criaram muitos mitos em torno deste tema. Bora desmistificá-los?


As fraldas reutilizáveis são muito complicadas


O mercado evoluiu e existem sistemas de fraldas para todos os gostos. As fraldas de pano modernas são muito diferentes das típicas musselinas de algodão dobradas e presas com um alfinete. Dependendo do sistema, há fraldas que são praticamente iguais às fraldas descartáveis (com a diferença que as podes lavar e reutilizar). No vídeo abaixo podes ver os diferentes sistemas de fraldas e aprender um pouco sobre cada um deles.


A lavagem das fraldas é trabalhosa


Colocar as fraldas de molho? esfregar? corar? nunca!

Utilizo fraldas de pano há 8 meses e nunca precisei fazer tratamento especial algum, a não ser colocá-las na máquina de lavar e selecionar o programa de lavagem para roupa muito suja, com pré-lavagem, água quente (40ºC ou 60ºC) e enxaguamento extra. A tua máquina de lavar vai fazer todo o trabalho por ti! Podes ainda adicionar outras roupas do bebé ou da casa após a pré-lavagem, o que permitirá reduzir a pegada ecológica das lavagens.


O melhor de tudo, é que nunca vais precisar de correr até ao supermercado ou farmácia para comprar fraldas em cima da hora. Também não vais precisar andar à caça das promoções. Está tudo em tua casa, basta lavar e secar. Apenas terás o trabalho de estender e arrumar as fraldas, mas tem dias que até parece ser terapêutico! 😊


É necessário mexer/remover os cocós


E quando se usa fraldas descartáveis não se mexe nos cocós? 🤣Posso durar 100 anos que não me vou esquecer daqueles cocós até ao pescoço que o meu filho fazia (e que as fraldas descartáveis não conseguiam conter). Sabes que mais? a probabilidade de isso acontecer com fraldas de pano é muito menor!

Se ainda não estás convencido(a), posso dizer-te que os liners biodegradáveis ajudam também nesta questão. É só colocar o liner na superfície interna da fralda e quando fores tirar a fralda só tens de o deitar fora. Há quem coloque no lixo e há quem descarte na sanita (uma vez que são biodegradáveis). Mas vou contar-te um segredo, por aqui deitamos o conteúdo na sanita e lavamos os liners em bom estado junto com as fraldas para utilizar numa próxima vez! Existem também os liners reutilizáveis, podes usar e lavá-los as vezes que quiseres e são conhecidos por proporcionarem a sensação de rabinho seco!

Já agora, sabias que quem usa fraldas descartáveis também deveria descartar os cocós? E esta hein? Ninguém gosta daquele cheirinho a cocó a passear pela casa e é tão fácil de resolver...😏


As fraldas reutilizáveis são muito caras


Embora o preço das fraldas seja um fator importante em qualquer orçamento familiar, quem me conhece sabe que não entrei neste mundo pelos custos. Mas a oferta hoje em dia é tão grande, que há fraldas para todos os gostos e carteiras.

O preço tem haver com a qualidade dos tecidos, a capacidade de absorção e forma da produção (a ética, certificações, etc). A Sónia Garcia da Meekbum já se debruçou sobre este assunto e garante que a poupança anda na ordem dos 1200€ por criança (já imaginaste a poupança que é para quem tem mais de um filho?). Tendo em conta as contas da Sónia Garcia, e partindo do pressuposto que um bebé gasta 2920 fraldas por ano, obtemos os seguintes custos para 3 anos:

  • fraldas descartáveis (0,20€/fralda): 1752 €

  • custo das fraldas descartáveis (0,14€/fralda para os mais poupadinhos aka caça-promoções): 1226.40€

  • custo das fraldas reutilizáveis - incluindo lavagens, detergentes e extras - (0.067€/fralda): 586.92

Obviamente, o valor total pode variar um pouco, dependendo dos tipos de fraldas pelos quais se opta, bem como a quantidade de acessórios. Podes consultar o detalhe de todas estas contas aqui e aqui.


O volume incomoda e prejudica a saúde do bebé


Ora, como já disse ali em cima, há modelos para todos os gostos. E, cada vez mais, as marcas investem em modelos slim fit para quem quer usar roupinhas lindinhas e slim fit sem largar as fraldas de pano. No entanto, as implicações do volume no desenvolvimento e saúde do bebé é um problema da nossa cabeça! O bebé precisa de liberdade para mover as pernas, mas convém que as pernas estejam na posição natural e completamente abertas para fora. Essa é a posição natural nos bebés. É uma posição conhecida por M que assegura a protecção da articulação da anca. Portanto, as fraldas volumosas até são mais adequadas para garantir o bom posicionamento das pernas.


__________________________


BENEFÍCIOS


Os benefícios das fraldas de pano vão muito além da poupança. Quando utilizadas de forma consciente, poderão ajudar a reduzir até 40% as emissões de carbono (comparativamente ao uso de fraldas descartávei